Homilia do 21º Domingo do Tempo Comum - Padre Nonato Timbó, Paróquia de São Manuel do Marco-CE.
Neste último domingo de agosto, a Igreja do Brasil celebra o dia dos Catequistas,
recordando-se do imenso número de homens e mulheres de todas as idades, que se
dedicam a anunciar a pessoa e a mensagem de Jesus a quem ainda não O conhece
plenamente. Este ministério sempre foi importante, porque, à semelhança do tempo
de Jesus, muitas são as interpretações sobre ele e muitas são as propostas de felicidade
e salvação. A mesma atitude de Pedro, afirmando ser Jesus o Messias deve ser
transmitida pelos catequistas e acolhida pelos corações abertos à ação do Espírito.
Pelo trabalho dos catequistas, uma nova atitude de vida começa a nascer nos corações



 Evangelho (Mt 16,13-20)
  Domingo, 27 de Agosto de 2017

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 13Jesus foi à região de Cesareia de Filipe e aí perguntou a seus discípulos: “Quem dizem os homens ser o Filho do Homem?” 14Eles responderam: “Alguns dizem que é João Batista; outros, que é Elias; outros ainda, que é Jeremias ou algum dos profetas”.

15Então Jesus lhes perguntou: “E vós, quem dizeis que eu sou?”

16Simão Pedro respondeu: “Tu és o Messias, o Filho do Deus vivo”. 17Respondendo, Jesus lhe disse: “Feliz és tu, Simão, filho de Jonas, porque não foi um ser humano que te revelou isso, mas o meu Pai que está no céu. 18Por isso, eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra construirei a minha Igreja, e o poder do inferno nunca poderá vencê-la. 19Eu te darei as chaves do Reino dos Céus: tudo o que tu ligares na terra será ligado nos céus; tudo o que tu desligares na terra será desligado nos céus”.

20Jesus, então, ordenou aos discípulos que não dissessem a ninguém que ele era o Messias.


— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.


0 comentários:

Postar um comentário

 
Top